Pesquisar neste blogue

sábado, 3 de janeiro de 2015

Rica maneira de acabar as férias

Passei a manhã, ou deitada, ou a correr para a casa de banho.
A seguir ao almoço, que não almocei, fui para as urgências, no centro de saúde, e estive lá 4h!
Tivesse eu levado o portátil e tinha adivinhado. A esta hora já tinha a proposta de projecto feita. Em vez disso, estou eu aqui, cheia de sono, e ainda com isso por fazer.
Segundo a médica, comi algo que me fez mal e fiquei com gastroenterite e cólicas, e só passará quando deitar tudo para fora. E beber muitos líquidos que estou a desidratar. E disse também que se vou fazer a viagem amanhã, que terei de parar muitas vezes, o que não pode ser. O autocarro, mesmo quando tem WC, é como se não tivesse, porque vai sempre fechado e os motoristas não gostam de dar a chave. E a viagem são de 3h20, somente com uma paragem de 5min em Coimbra.
Se isto começar a dar-me muito a volta a barriga, senhora doutora, você pode ter dito para não tomar o imodium rapid, porque isso não me faz bem, porque não me deixa limpar, peço desculpa, mas lá terá que ser.

Desejem-me sorte para despachar isto. E boa sorte para amanhã que bem preciso.

2 comentários:

JS (apeteceu-me mudar) disse...

Até me arrepia só de pensar em fazer uma viagem de 3 horas nesse estado.
Não tens quem te leve de carro?...
As melhoras.

JS (apeteceu-me mudar) disse...

R: Ninguém devia ficar assim, em altura nenhuma da vida, muito menos nas festas mais importantes da família.